sexta-feira, 7 de agosto de 2009

"Public Enemies" - 2009



Melhor filme de 2009, junto com Singularidades de Uma Rapariga Loura, de Manoel de Oliveira.

É verdade que está um pouco abaixo de outros filmes do realizador (Heat, Miami Vice), mas ele é dos poucos que consegue dar credibilidade ao "blockbuster" hoje em dia. E ninguém mais em Hollywood consegue filmar tiroteios assim. Johnny Depp, Christian Bale e Marion Cotillard com interpretações magníficas.

Os dois lados da lei numa batalha complexa em termos morais como já tínhamos visto em Heat. Os momentos de reflexão, os dilemas, as preocupações. Todos no filme são pessoas, não há condescendências, nada é a preto e branco.

Mann filmou em digital e em vários dos locais em que Dillinger esteve, para a impressão de realismo e de facto resultou, estamos nos anos 30 e não num filme sobre os anos 30. Há várias referências a filmes do mesmo género: Dillinger vê Manhattan Melodrama com Clark Gable (naquela que é uma cena perfeitamente inadjectivável) e há referências a White Heat de Raoul Walsh, Scarface de Howard Hawks e claro, The Public Enemy de William A. Wellman.

A Academia aumentou o número de nomeados este ano. Esperemos que o tenha feito para assim nomear este filme e outros que não estreiam na "temporada óscar".

Grande filme de Michael Mann.

E aquele final é qualquer coisa....

Nenhum comentário: